“Harry enlouqueceu” no armário debaixo da escada, diz J.K. Rowling

Quanto mais perto chegamos do lançamento da Wizard’s Collection, mais vídeos são divulgados, para a alegria dos fãs. Uma conversa inédita entre J. K. Rowling e o roteirista Steve Kloves acaba de ser divulgada com exclusividade pelo Snitch Seeker. Ela é parte do documentário Creating the World of Harry Potter Part 7: Story.

No vídeo, Kloves e a autora falam sobre a infância sombria de Harry, relembrando quando o garoto conversa com uma aranha e soldados de brinquedo no armário debaixo da escada. Rowling menciona, inclusive, a teoria de que Harry ficou louco e que toda a história é fruto de sua imaginação.



Veja abaixo a tradução da conversa:

Kloves: Havia uma parte no roteiro, quando ele estava no armário debaixo da escada, em que eu inventei uma aranha para ele chamada Alastor, com quem ele conversava; e ele costumava pegar soldadinhos quebrados do lixo e os alinhava na prateleira. Esse exército quebrado que o Duda havia jogado fora.

J.K. Rowling: Era uma imagem tão excelente, o exército quebrado.

Kloves: E ele costumava conversar com eles, e a ideia é que ele parecia um pouco louco, quando escrevi o primeiro rascunho. E então, quando Hagrid surgiu, ele Harry pensou que tudo vinha da sua imaginação por um minuto. Que ele tinha convocado esse cara –

Rowling: Acho que esta questão é fabulosa, dialoga perfeitamente com a verdade dos livros, porque me sugeriram isso mais de uma vez, que Harry enlouqueceu no armário debaixo da escada e que tudo que aconteceu depois disso foi uma vida de fantasia que ele inventou para se salvar.

Kloves: E isso veio daí – veio do livro. Quando você lê o livro, fica muito claro que ele é um garoto maltratado.

Rowling: Totalmente. É claro que ele é.

Kloves: E então, há escuridão aí, eu apostaria nisso.

Harry Potter Wizard’s Collection será lançada no dia 7 de setembro, nos Estados Unidos, e no dia 10 de setembro, no Reino Unido. Fique ligado no Aliança 3 Vassouras para mais notícias! Via

8 comentários:

  1. 'o' não acredito, é uma ideia bem interessante e ao mesmo tempo decepcionante.

    ResponderExcluir
  2. Se realmente toda a história foi um 'delirio' do Harry, minha infância perdeu a graça.

    ResponderExcluir
  3. Eu acho que seria deturpar a fala da QUEEN falar que ela disse que foi tudo coisa da imaginação dele.Porque isso foram apenas sugestões dadas. Sem falar que eu não posso ter construído minha vida e minha infância em volta de alucinações de um garoto louco. Tenho certeza que Harry realmente viveu isso. Dizer o contrário seria jogar uma história perfeita que durou mais de 10 anos pra ser terminada fora.

    ResponderExcluir
  4. Não achei isso legal, muito pelo contrário, é totalmente decepcionante, os fãs, passaram a vida indo lá no cinema, gritando e até mesmo chorando pelo último filme e de repente surge uma coisa dizendo que era tudo fruto da imaginação dele, sinceramente isso não é legal.

    ResponderExcluir
  5. Eu sou um louco, e tenho alucinações. Quantas vezes ja nos imaginamos comprando nossa varinha, escolhendo em que casa queriamos ficar, aprendendo feitiços, e em todos os meus aniversários a meia noite fiquei esperando uma pessoa que no fundo eu sabia que não chegaria. Como seria bom, esperei tanto por isso. Que louco, escandalosamente louco, fiquei, nesse meu canto, nessa minha escada.

    ResponderExcluir
  6. ela disse qe isso foi apenas sugestoes dadas, pq se fosse verdade, iria ter HP 8,9,10....

    ResponderExcluir
  7. E é claro que tudo foi real, porque todos nois vivemos tudo, do começo ao fim. A Jk somente comentou uma opinião de algumas pessoas.

    ResponderExcluir
  8. CAAAAALMAA POTTERHEADS! FOI SÓ UMA TEORIA QUE O STEVE CITOU, E A JK DISSE QUE FAZIA ATÉ SENTIDO. MAS A HISTÓRIA CONTINUA A MESMA, COMO SEMPRE FOI. A IDEIA DE FAZER ISSO NOS LIVROS NUNCA PASSOU PELA CABEÇA DA JK!

    ResponderExcluir

Não utilize palavras obcenas e degradantes, comentários desse tipo serão rejeitados.